Histórico

A Copa Inconfidentes de MTB é considerada a segunda maior competição da modalidade em Minas Gerais. O evento, que começou em 2007, reúne atletas, profissionais e amadores. Junto com os parceiros que apoiam a competição, a Copa tem como objetivo principal fortalecer e promover o esporte no Brasil.

Organizada por Daniel Sardinha e Eduardo Soares, a competição é realizada em três etapas: duas no formato cross-country (XC) e uma no formato maratona (XCO). Durante a competição, os atletas somam pontos de acordo com as respectivas colocações, e, ao final o campeão é aquele que obtém maior número de pontos. Além da vitória individual, existe a competição por equipes, para reforçar o espirito de coletividade presente neste tipo de modalidade esportiva.

A prova vale pontos para os rankings nacional e internacional de ciclismo, além de ser reconhecida pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e Federação Mineira de Ciclismo (FMC).

Com uma estrutura sólida, o mais interessante do evento, é que ele atinge todas as faixas etárias, com categorias que permitem desde crianças até pessoas mais velhas participarem da disputa. As categorias atuais da Copa Inconfidentes são: Elite Masculina, Elite Feminina, Junior, Sub 23, Sub 30, Master 30-34, Master 35-39, Master 40-44, Master 45-49, Master 50-54, Master 55-59, Veterano, Infanto Juvenil, Juvenil. Já a Copa de Amadores possui 4 categorias.

Outro aspecto importante da competição é que ela não é feita exclusivamente para os atletas profissionais. Os ciclistas amadores, que querem ganhar mais experiência ou apenas se divertir em pistas de qualidade, são a maioria na prova. Isso faz da Copa Inconfidentes de MTB uma competição democrática, leve, divertida e que valoriza a família, a amizade e o prazer de pedalar.

Origem do nome

O nome da competição foi inspirado na região que compõem as três cidades que, geralmente, recebem as provas de MTB: Itabirito, Ouro Preto e Mariana. Como o trio de cidades é chamado de Inconfidentes, os organizadores quiseram homenagear a região, escolhendo assim o nome da competição.




Inscrição

Inscrições abertas para a segunda etapa da Copa Sense Trek Inconfidentes de MTB

Clique aqui e inscreva-se! Primeiro lote até o dia 8 de setembro.

A maratona será no dia 21 de outubro de 2018,  no Pesque e Pague Campestre, em Itabirito (MG). 

Dúvidas, consulte o nosso regulamento aqui.

Acompanhe nossas redes sociais: @copainconfidentesmtb (Instagram) e Copa Inconfidentes (Facebook). 




Prova

A Copa Sense Trek Inconfidentes de MTB foi um sucesso. A competição aconteceu neste domingo (20), no Pesque Pague Campestre, em Itabirito (MG).  O formato cross-country reuniu cerca de 100 bikers de todo o país. Daniel Grossi conquistou o título na categoria Elite Masculino. Já Marcela Lima foi o grande destaque na disputa feminina.

O ambiente agradável, com estrutura que oferece lazer para a família e conforto para os atletas, atraiu o público. Mais de 400 pessoas foram ao local prestigiar o evento e torcer pelos bikers.

A prova, tradicional na cidade, mais uma vez mostrou o quanto é importante incentivar o esporte. O organizador do evento, Eduardo Soares, conta que ficou satisfeito com os resultados obtidos. “A nossa prova resgata o verdadeiro MTB, além de reunir toda a família, o que deixa a competição mais divertida”.

Pelo segundo ano consecutivo a competição contou com o patrocínio de grandes empresas, como a Sense, Trek e Power Cycle que acreditaram na copa. “Temos a sorte de contar com grandes parceiros que acreditam e incentivam o esporte. Só é possível construir uma prova como essa com a ajuda deles”, analisa o organizador do evento.

Para Nildo Guedes, marketing da Sense, estar presente no evento faz parte da estratégia de crescimento da empresa. “O primeiro ano a prova foi um sucesso. Então, queremos dar continuidade ao trabalho e a prova ainda tem muito a crescer. Além disso, é próxima de cidades estratégicas de Belo Horizonte e é um circuito muito tradicional, que proporciona bom momento para o atleta, a família. A Sense está sempre no caminho de ajudar e apoiar as provas para fazer o esporte crescer”, explica.

 

Ações

 

Pontos de hidratação, com o apoio da Água Mineral Ingá foram distribuídos ao longo do percurso para refrescar os bikers.

 

Quanto ao público, além de apreciarem a corrida, puderam conferir as novidades dos produtos para bicicletas expostos nos estandes que estavam no local, como o da Bicishop, Estiloventura, FL Bikes, Nerea, Adrena Esporte e Aventura, Audax, Tripp Aventura.

 

Comida boa, cerveja gelada, brincadeira para as crianças deixaram o ambiente ainda mais agradável para todos!

 

A prova

A prova foi bem dinâmica. O circuito de 5,5 km de extensão agradou a todos os participantes. A pista, que é bem técnica, mesclou single tracks, subidas e descidas em terreno de cascalho.

A primeira largada foi com os atletas amadores e aconteceu às 8h, com intervalos de dois minutos para cada categoria e na seguinte ordem: PNE, Masculina Over 40, Masculina Sub 40 e Feminina Open.

A segunda largada foi às 10h, com os atletas profissionais. Os organizadores alinharam os bikers da seguinte forma: Master A1, Master A2, Master B1, Master B2, Juvenil, Master C1, Master C2 e Infanto Juvenil.

Por fim, a terceira largada aconteceu às 12h40, com os atletas das categorias Elite Masculina, Júnior Masculina e Júnior Feminina.. Assim como na prova de amadores, os intervalos entre cada categoria foram de dois minutos.

A disputa foi acirrada, principalmente na categoria Elite Masculino. O vencedor do desafio, disse que a prova foi bem bacana. “Eu gosto muito de correr no Campestre, pois a pista é desafiadora e respeita o verdadeiro MTB. Deu para fazer uma boa prova, procurei manter a tranquilidade. Como foram cinco voltas e o percurso exige atenção, então, procurei não gastar muita energia no início, pois sabia que precisaria ir bem em todas as voltas” , conta Daniel Grossi.

A disputa feminina foi mais tranquila. A campeã, Marcela Lima, é atleta de Itabirito e estava correndo no quintal de casa. “Eu conheço alguns percursos, mas achei incrível porque a prova conseguiu me surpreender. Foi uma pista divertida, com muitos single traks, passando pela mata, mas foi bem gostoso andar aqui. Eu consegui rodar bem, o que favoreceu a vitória”.

As crianças também puderam se divertir na pista. Os pequenos atletas disputaram na categoria Mirim do evento, que visa estimular o contato com o esporte e incentivar o futuro do mountain-bike brasileiro. No final, todos subiram no pódio para ganhar as suas medalhas.

Premiação

No desafio, os vencedores foram contemplados com um troféus, medalhas, brindes da DaMatta, LM Bike, Trek e Broutanger.

A Copa Sense Trek Inconfidentes de MTB tem patrocínio da SENSE e da TREK. Apoio da POWER CYCLE BRASIL, DAMATTA DESIGN, ÁGUA MINERAL INGÁ, PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABIRITO, PESQUE PAGUE E POUSADA CAMPESTRE, BICISHOP, ESTILOVENTURA, FL BIKES, NEREA, AUDAZ, TRIPP AVENTURA, ADRENA ESPORTE E AVENTURA, FEDERAÇÃO MINEIRA DE CICLISMO (FMC).


Provas anteriores

2017 - Desafio Sense Inconfidentes de MTB





Apoio






Contato